Você sabia? A forma como você cozinha o arroz pode prejudicar sua saúde

0
77
White Rice

O arroz é um dos principais complementos na refeição de uma grande parcela de brasileiros. Mas apesar de ser tão popular e benéfico para à saúde, dependendo da forma como o alimento é preparado, é possível que o grão prejudique bastante o organismo.

Isso acontece devido à concentração de um perigoso elemento químico presente no arroz. O chamado arsênio pode colaborar para o desenvolvimento de várias doenças, desde problemas cardíacos até o câncer.

O arsênio, que pode ser encontrado no arroz, ainda prejudica o desenvolvimento de crianças caso seja ingerido em quantidades não recomendadas para a faixa etária.

O elemento químico pode contaminar o arroz devido ao uso de toxinas e pesticidas presentes no solo durante anos. Na hora do cultivo do grão, ele acaba absorvendo mais a substância do que outras culturas.

Arsênio detectado em arroz

Uma pesquisa realizada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto da USP e divulgada pela BBC Brasil, apontou que em 2013 grandes quantidades de arsênio foram encontradas em vários tipos de arroz no país.

Em entrevista, o pesquisador e professor de ciências biológicas da Universidade de Belfast, Andy Meharg, contou que ingerir algumas porções por semana não coloca em risco a saúde de um adulto, mas pode ser bastante perigoso para crianças e bebês. “Sabemos que níveis baixos de arsênio afetam o desenvolvimento da imunidade, impactam no crescimento e no desenvolvimento do QI”, afirmou.

Mas o programa Trust Me, I’m A Doctor (“Confie em mim, eu sou um médico”), da BBC, mostrou que é facilmente possível evitar a contaminação do arsênio no arroz e isso pode ser feito em casa.

Como evitar a contaminação do arsênio no arroz

Depois de alguns testes, Meharg chegou à conclusão de que o jeito de reduzir o arsênio presente no arroz é deixando o alimento em uma travessa com água durante a noite toda antes de cozinhá-lo.

O pesquisador notou que esse método é capaz de reduzir em até 80% quando comparado à técnica comum de fazer arroz, sem deixá-lo de molho por horas. O indicado é utilizar uma proporção de cinco xícaras de água para cada xícara de arroz.

DEIXE UMA RESPOSTA