Pré-diabetes: 4 sinais para você ficar em alerta

0
103

Apesar de ser perigoso, o pré-diabetes pode ser revertido se identificado rapidamente. Confira 4 sinais que podem te ajudar a indicar este quadro!

Antes de serem diagnosticadas com diabetes, muitas pessoas apresentam o chamado pré-diabetes, quando a glicose, elevada, fica entre 100 mg/dl e 125 mg/dl em jejum (na diabetes, esse número é acima de 126 mg/dl).

Apesar de perigoso, esse quadro é capaz de ser revertido. O problema é que se trata de um mal silencioso. “Com o tempo e sem diagnóstico, a pré-diabetes pode acarretar doenças renais e cardíacas, danos aos olhos, aos nervos periféricos e ao intestino, que pode ficar preso ou solto, e, claro, evoluir para diabetes do tipo 2”, explica a endocrinologista Mariana Farage, do Rio de Janeiro.

Segundo a profissional, há alguns sinais que podem ajudar a indicar o quadro de pré-diabetes. Confira abaixo!

 

1. Visão borrada: após a alimentação, o nível de glicose aumenta e isto pode alterar a refração da luz de dentro dos olhos. Isto pode deixar a vista embaçada por até 2 horas depois da refeição.

 

2. Cortes e machucados: demoram a cicatrizar: a microcirculação fica comprometida, havendo diminuição de chegada de nutrientes nesta região. Logo, há dificuldades com a comunicação desta área e as veias e artérias menores.

 

3. Neuropatia: causa dormência, formigamento ou dor nas mãos e nos pés.

 

4. Nefropatia: é uma lesão renal inicial e que, com o tempo, pode gerar uma insuficiência do órgão.

DEIXE UMA RESPOSTA