“Porque os felinos são criaturas maravilhosas”, certamente é isso que responderiam aquelas pessoas apaixonadas pelos bichanos à pergunta de por que todos deveríamos ter um gato em casa. E isso deveria bastar. Mas se você é dos que ainda tem dúvidas sobre ter ou não um felino como animal de estimação, aqui apresentamos uma série de argumentos para tentar convencê-lo.

Bichanos: da má fama à boa realidade

É que, em torno dos nossos amigos miadores, circulam alguns mitos que lhes deram uma certa má fama ao longo da história. No entanto, esta “fama” está na contramão do que os gatos realmente são, e tende a desaparecer quando a realidade se torna palpável.

Dizem que “quem não gosta de gatos nunca teve um”. Assim, para comprovar isso, você terá que decidir ter um. Sim, com absoluta responsabilidade de sua parte.

É que, escolha o pet que escolher, já deve saber que deverá se ocupar dele diariamente.

Costuma-se dizer que quem não ama os gatos é porque nunca teve um. Por isso, contaremos a você alguns motivos pelos quais você deveria incluir um bichano em sua vida.

Adote um amigo felino e não se arrependerá. Então, antes de adotar um gato — que é, sem dúvida, a opção mais recomendável — considere que você terá que lhe proporcionar:

  • Alimentação de acordo com cada fase de sua vida e com suas características
  • Água fresca e limpa sempre à disposição.
  • Higiene
  • Controle veterinário periódico
  • Vacinas e desparasitação
  • Socialização e educação
  • Exercícios adequados

E, é claro: mimos, brincadeiras, brinquedos e mais carinhos.

Parece muito? É certo que isso não é nada em comparação com as cataratas de carinho, alegria e bons momentos que seu amigo peludo proporcionará a você. E, antes mesmo do que você imagina, seguramente você o terá incorporado como um membro a mais de sua família. Mas lembre-se, ele fará parte do grupo familiar, mas não deixará de ser um gato. Assim, para a boa saúde física e mental de seu bichano, não o humanize.

Ter um gato é saudável

Estamos criando suficientes expectativas sobre por que você deve ter um gato em sua vida? Não se desespere. Já passaremos aos argumentos concretos.

Ter um gato contribui com um sem-fim de benefícios para a saúde física e emocional de seus donos. Por exemplo, reduzem o estresse e a ansiedade. E afastam sentimentos de solidão e de depressão.

Por esse motivo, também diminuem o risco de sofrer um ataque cardíaco ou de morte por doenças cardiovasculares. Mas também se comprovou que regulam a pressão arterial e as pulsações.

Então, não é errado dizer que a melhor medicina preventiva é acariciar o seu bichano, sentir seu ronronar ou brincar por alguns longos momentos com ele. Ou simplesmente vê-lo se divertir com suas travessuras. Você verá como logo se esquecerá de suas preocupações e será invadido por uma sensação de bem-estar.

E se achou isso pouco…
Mas se tudo isso que contamos a você ainda for pouco, há muitos outros benefícios para que você considere seriamente conviver com um destes inteligentes, belos e adoráveis felinos. Tome nota:

São animais muito limpos. Coloque uma caixa de areia a sua disposição e troque a areia periodicamente, os felinos farão nela suas necessidades.

Sempre os verá limpinhos, já que dedicam boa parte do dia para se limpar com a língua.
A não ser que não sejam esterilizados, os gatos costumam ser tranquilos e nada briguentos. E acostumam-se muito bem a ficar dentro de casa. Ainda que o ideal é que tenham uma janela, uma sacada ou um quintal -devidamente acondicionados para que não sofram acidentes – para que tomem um pouco de sol e de ar fresco.
Coloque um gato em sua vida

Poderíamos continuar listando uma grande quantidade de motivos para você ter um bichano em casa. Mas o bom é que você vá descobrindo. Apostamos que, pouco a pouco, sua lista de razões se tornará bastante extensa.

E o mais provável é que, de repente, você se torne um aficionado por fotografias e que passe o dia perseguindo seu felino para tirar as melhores fotos. Ou inclusive que antes do que imagine já esteja compartilhando vídeos de seu gatinho nas redes sociais.

É que seu amigo peludo também pode dar um bom empurrão em sua vida social, dando a você assuntos para conversas. Claro, sempre em sua justa medida. E, talvez, logo você esteja tentando convencer os outros dos benefícios de ter um gato.

DEIXE UMA RESPOSTA