Seja por recomendação médica ou não, as saladas são alimentos importantes para a saúde humana. Elas estão presentes em um seleto grupo de ingredientes indispensáveis para o bom funcionamento do corpo.

As saladas são ricas em vitaminas, sais minerais, além de ser um ótimo remédio natural para evitar e tratar uma série de doenças. Seja em qual for o cardápio, sempre há um lugar para acrescentar esses alimentos.

Dependendo das diferentes formas com que são preparadas, as saladas podem ser cruas, cozidas ou até misturadas a outros alimentos. O importante é que elas estejam presentes no dia a dia das pessoas.

Benefícios das saladas

Pelo pouco que já deu para ver até agora, já deu para sentir o quanto o consumo das saladas é importante para o bem-estar das pessoas, certo? Porém, agora chegou a hora de você ampliar os seus conhecimentos a respeito das saladas.

Dependendo da variedade de ingredientes utilizadas no preparo, as saladas já chamam atenção pela cor. Em um prato colorido, o primeiro sentido a ser aguçado é a visão, que depois aciona o paladar.

“As vantagens do consumo de folhas e legumes não são facilmente encontradas nos demais alimentos, por isso, é aconselhável a ingestão de vegetais crus”, afirma a nutricionista Tatiane Trevilato.

As saladas possuem alto teor de água, o que contribui para a hidratação; possui baixo índice calórico e são liberadas para o consumo de qualquer pessoa, ou seja, sem nenhuma contraindicação. Dessa forma, ela traz uma série de benefícios para o corpo.

Por que comer saladas todos os dias?

Salada é tão benéfica que deve ser consumida todos os dias.

Comer salada todos os dias é algo essencial para quem quer ter mais saúde. O consumo diário de saladas faz com que o corpo se revista de altas doses de vitaminas, sais minerais e fibras, o que auxiliam no bom funcionamento do organismo. “As saladas ganham mais importância no cardápio diário, pois proporcionam uma alimentação leve, nutritiva e saudável”, endossa Tatiane.

Ainda segundo Tatiana, “as folhas e vegetais são muito importantes na alimentação e nas dietas, porque são alimentos ricos em fibras e estas contribuem para o bom funcionamento do intestino ajudando na digestão”.

Verduras, legumes e hortaliças são facilmente digeridas pelo organismo, dessa forma, não prejudicam o funcionamento de nenhum órgão, sobretudo o aparelho digestivo. Outra vantagem do consumo regular de salada é ajudar no emagrecimento.

“O consumo das saladas, principalmente no caso das folhas, é importante para o controle de peso, pois tem grande capacidade de saciedade quando ingeridos em boa quantidade e são pobres em calorias”.

Além de todas essas vantagens ligadas à saúde, o consumo regular de saladas também se faz possível devido à facilidade com que esses ingredientes são encontrados, seja nos mercados, feiras livres ou hortifrutis.

Somado a isso, os pratos de salada podem ser preparados sem que haja muito desprendimento de tempo. Basta apenas que você fique um pouco mais atento à higienização dos mesmos.

Como deixar a salada mais saudável

Prepare uma salada realmente saudável e desfrute de inúmeros benefícios
Para desfrutar dos benefícios da salada, você deve saber como prepará-la corretamente e saudável. Se o consumo de saladas já faz um bem danado para o corpo, imagina só poder deixá-lo ainda mais saudável. Muita gente pode até achar que isso não é possível, mas é sim! Basta prestar atenção em algumas orientações simples.

O primeiro ponto a ser evidenciado parte da economia. Para manter-se no orçamento, a dica da nutricionista Tatiane Trevilato é procurar vegetais de época e frescos. “Além de mais baratos eles apresentam uma melhor concentração de nutrientes”, acrescenta.

Na hora de escolher as folhas verdes, procure aquelas que não apresentam manchas e que estão com cores mais vibrantes. Ah! vale prestar atenção também se elas estão inteiras e não estão murchas.

Já em relação ao preparo, “opte por temperos naturais como sal, ervas, limão e vinagre, pois são menos calóricos e podem acrescentar vitaminas e antioxidantes à receita”, endossa a nutricionista.

Para que o prato de salada esteja fresquinho até na hora de servir, a dica é temperar perto da hora de servir ou consumir. Isso vai preservar o frescor e os nutrientes da salada. “Não abuse nos óleos e azeite, apesar de saudáveis eles são bem calóricos”, frisa a nutricionista.

Se o seu objetivo é perder peso, preste bastante atenção aos molhos que vai usar. Certo que eles dão aquele gostinho especial ao prato, porém, estão cheios de calorias. Na hora de escolher os molhos, vale a dica da nutricionista: “Prefira os que são à base de iogurte, mostarda e laranja no lugar da maionese tradicional”.

DEIXE UMA RESPOSTA