Consulte o médico antes de correr!!

0
76

A corrida de rua está ganhando muitos adeptos que prezam pela boa forma e qualidade de vida.Mas, antes de iniciar a corrida é preciso fazer uma avaliação médica.

De acordo com o cardiologista Fernando Siqueira, o ideal é procurar um cardiologista ou especialista em medicina do esporte para prevenir problemas de saúde. A avaliação médica vai depender de cada paciente. Para aqueles que visam à alta performance ou atividades competitivas, a avaliação deve ser mais rigorosa e um bom programa de condicionamento físico e alimentação são essenciais. Pessoas com menos de 35 anos devem fazer o exame eletrocardiograma e, para os que têm mais de 35, recomenda-se o teste ergométrico. “Em alguns casos o ecocardiograma também é necessário assim como a ergoespirometria”, ressalta o cardiologista.

Segundo o médico, o exercício da corrida exige mais do sistema cardiovascular e locomotor. Por isso, obesos e portadores de doença articular precisam de atenção especial antes de praticar a corrida. Nos indivíduos com risco aumentado para doenças cardíacas como o diabético, o portador de hipertensão arterial e aqueles com história de morte súbita na família, o cuidado deve ser redobrado.

O cardiologista alerta ainda para as complicações que podem acontecer com os chamados atletas de fim de semana, como lesões musculares, articulares e complicações cardíacas, entre elas arritmias, infarto e morte súbita. “Em algumas situações, doenças genéticas cardíacas podem predispor a complicações como arritmias fatais. É importante que o paciente hipertenso e diabético esteja bem controlado, além de ser respeitado o limite de cada um. A atividade física extenuante ou exagerada, sem preparo adequado, facilita o aparecimento dessas complicações”, explica o médico.

Dicas de saúde para correr com segurança:

  • Antes de correr, consulte um médico para avaliação;
  • Inicie as atividades aos poucos, aumentando a frequência e a intensidade dentro de seu limite;
  • Use roupas adequadas com tecidos leves e tênis confortáveis que amorteçam o impacto;
  • Hidrate-se;
  • Faça alongamentos para aumentar a flexibilidade do corpo.

DEIXE UMA RESPOSTA