Óleo não previne estrias na gravidez: o que funciona mesmo?

0
146

É comum ouvir que um dos truques mais baratos para evitar estrias na gravidez é passar óleo natural no corpo. Semente de uva, de amêndoas e de rosa mosqueta estão entre os mais citados. De acordo com a dermatologista Dra. Paula Sanchez, de São Paulo, embora a prática não seja prejudicial, é pouco efetiva.

Isto porque, como explica, a estria é resultado do rompimento das fibras da pele e o que evita que isso aconteça é uma pele elástica e hidratada.

Além de hábitos como boa alimentação, prática de atividades físicas e manutenção de um peso saudável, o que garante hidratação à pele são hidratantes e não óleos. “Óleos deixam a pele mais macia e causam uma falsa sensação. Mas, não hidratam de fato”, comenta.

“As vezes quem usa óleo fica com a impressão de que a pele está hidratada porque está macia. Mas na verdade isso é só uma barreira gerada pelo produto. Ela que pode até impedir a desidratação, mas não hidrata”, explica a dermatologista.

A saída, então, é apostar em cosméticos que realmente hidratem – e eles são os cremes hidratantes.

Qual é o melhor hidratante para evitar estrias na gravidez?

Segundo Dra. Paula, existem fórmulas específicas para esse período. Elas contêm substâncias que são altamente hidratantes. Esses produtos, no entanto, costumam custar mais caro.

Uma dica que ela dá é aplicar pequenas quantidades apenas nas regiões onde são mais propensas ao aparecimento das marquinhas, como na lateral da barriga. Assim, o produto rende por muito mais tempo.

Mas, se ainda assim o preço tornar o hábito inviável, a dermatologista explica que os produtos comuns, mais acessíveis, podem ser eficientes também. “Se mesmo assim ficar puxado, a paciente pode comprar um creme sem cor e sem cheiro, para evitar enjoos e produtos químicos e passar uma grande quantidade depois do banho, quando as células absorvem mais o produto”, orienta.

Para intensificar os resultados, a especialista ainda recomenda a ingestão de bastante líquido, especialmente água, e o cuidado com o ganho de peso. “É normal engordar. Mas, se a mulher gestante ganhar muito peso e repentinamente, a chance das estrias apareceram são bem maiores”, comenta.

DEIXE UMA RESPOSTA